Tag Archives: luz

Maquiagem – Iluminadores Que Gosto

15 Nov

O iluminador foi algo que sempre subestimei um bocadinho, mas recentemente descobri o sei poder. Não só serve para dar um ar luminoso à tez por moda ou porque a pele já viu dias mais saudáveis e pode também chamar a atenção para os nossos melhores pontos, aqueles que preferimos destacar. Hoje ficam os meus três iluminadores favoritos, pese embora o facto de eu evitar listas de favoritos posto estarem sempre a mudar!

Sun Beam da Benefit

Sun Beam da Benefit

Sun Beam da Benefit – Dourado e com brilho metálico, apropriado para todas as pessoas de todos os tons de pele contando que não sejam muito rosados (neste caso escolheria o High Beam da mesma marca.). É um líquido com um aplicador como o de verniz que deve ser aplicado onde se deseja iluminar, geralmente ossos das faces, abaixo da sobrancelha, cana do nariz e/ou arco do lábio superior. Depois, com os dedos, é preciso esbater mais ou menos conforme se queira maior ou menor intensidade mas sempre com o cuidado de esbater as linhas de aplicação para que, por muito concentrado que seja o brilho, não haja uma linha definida de onde se aplicou o iluminador. O brilho deste produto é muito muito pronunciado e um bocadinho dura imenso tempo!

Luster Drops da MAC

Luster Drops da MAC

Luster Drops da MAC – Outro iluminador líquido, parece que há aqui um padrão! Todos os anos, geralmente no Verão, a MAC lança estas gotas com efeito brilhante, que funcionam de modo semelhante ao Sun Beam de que acabo de falar e se aplicam de maneira similar, não tendo apenas o aplicador estilo verniz de unhas. A CK One Color tem um produto igual, igual, apenas numa embalagem diferente e que é permanente, estando disponível todo o ano e a um preço muito semelhante também. Encontram esta marca nos El Corte Inglés.

Sombra Iluminadora

Sombra Iluminadora

Sombra com brilho – esta que mostro acima é a Naked Lunch da MAC mas qualquer sombra que atenda a dois requisitos é apropriada para ser um iluminador: tem que ser mais clara que o tom de pele em 1 a 4 tons (quanto mais clara, mais iluminadora é) e tem que ter reflexão de luz que pode ser dada pelo brilho purpurinado ou metalizado. Todas as marcas têm sombras claras e brilhantes, desde as marcas mais baratas às mais caras, por isso é só procurar bem que se vai encontrar a sombra ideal! O iluminador em pó tem a grande vantagem de poder ser aplicado depois mesmo de aplicar o pó no rosto, ou seja, o brilho não esmorece pela aplicação do pó finalizador. Isto quer também dizer que pode ser usado quando se use base em pó também!

Anúncios

Perguntas E Respostas 18: Lâmpadas UV Na Manicure

8 Abr

A Carina perguntou via Facebook:

Gosto muito destes novos vernizes gel, mas como para que sequem é necessário estarem expostos a lâmpadas com luz UV, gostaria de saber se isso não faz mal à pele das mãos. Como podemos proteger-nos? Obrigada.

Perguntas & Respostas

Há uma grande controvérsia sobre esse assunto em particular, algumas pessoas a dizer que é potencialmente perigoso outras a dizer que nem por isso porque a quantidade de raios UV (ultra-violeta) é pequena. Normalmente diz-se que estas lâmpadas são similares às dos solários, que todos sabemos que fazem muito mal. Porém, vale a pena mencionar que os aparelhos que vemos na manicure possuem duas a quatro lâmpadas de 9 watts e em média passamos pouco mais de 5 minutos com cada mão lá dentro; já nos solários, as sessões são muito mais longas, as lâmpadas são de 100 watts e estão em maior número (geralmente 12). Ainda assim, há coisas que podemos fazer para nos proteger dos possíveis danos:

  • Há gel que pode ser curado (assim se chama à “secagem” com as lâmpadas) com luzes LED em vez de UV. Se possível, preferir esse tipo de gel com esse tipo de cura;
  • Aplicar protector solar nas mãos e limpar só as unhas na hora de fazer a manicure (para que os produtos adiram) é boa ideia, mas deve-se avisar a profissional de que se aplicou creme nas mãos;
  • Há umas luvinhas de algodão sem as pontas dos dedos que bloqueiam os raios UV e se vendem online e nas lojas de cosmética profissional – se a vossa manicure não as tiver e se usarem muito gel, talvez valha a pena investigar e investir;
  • Preferir sempre os aparelhos em que não se coloca a mão toda, mas só as unhas. Ainda assim, ter o cuidado de evitar olhar directamente para a luz UV;
  • Reduzir a quantidade de vezes que as mãos vão ao aparelho também ajuda – se o gel cura com dois ciclos, não há porque deixar lá a mão por três e se a manicure aguenta bem 3 semanas, não há porque ir de 15 em 15 dias.

Nestas coisas, é bem verdade, mais vale prevenir do que remediar e espero que as minhas dicas tenham sido úteis!

Inspiração

2 Dez

Luz

 

Escolhi esta imagem por uma razão muito simples. O batom, de uma cor tão vibrante e até inesperada, fica, para o meu olhar, em total e absoluto segundo plano. É inesperado e mostra completamente o poder da luz.

Os olhos assim iluminados com uma sombra que me parece algo nacarada e é bastante mais clara do que a pele da modelo, atraem muito mais a minha atenção. Claro que a harmonia e o balanço do visual são importantes, também, e posto isto aquele batom poderia ser de outra cor qualquer à escolha.

Sei que por vezes pensamos na maquiagem como a importância da cor e, confesso, às vezes também tenho essa tentação. Todavia, na verdade, a maquiagem é a arte da ilusão de óptica e nada é tão eficaz como a luz (ou falta dela) a enganar os nossos olhos e a nossa mente. Esta semana, vou prestar mais atenção à luz, aos jogos de luz e sombra que criam relevos e conduzem o olhar, não só na maquiagem mas em todo o resto.

%d bloggers like this: