O drama da Acne

19 Out

Hoje convidei a consultora de imagem Soraia Farinha do Love Your Style para vir cá falar connosco. Se é verdade que talvez o trabalho dela seja mais direccionado para a moda e imagem como um todo, também é verdade que é maquilhadora profissional e que o seu trabalho é muito bom! Espero que visitem o blog dela e conheçam melhor o trabalho desta Algarvia de adopção.

O meu drama com o acne…….

O meu drama com o acne começou bem cedo na minha vida, mal a adolescência chegou as malditas borbulhas vieram com ela. Toda a minha cara era um campo de batalha para as hormonas: borbulhas vermelhas ou prestes a implodir, pontos negros que mais pareciam crateras negras, oleosidade até mais não, manchas, you name it i have it.

Depois de muitos cremes e tentativas frustradas, só mesmo depois de uma consulta no dermatologista, e outra na ginecologista (sim porque é importante trabalhar também a parte hormonal), é que finalmente consegui ver alguma luz ao fundo do túnel.

Na altura, tinha eu os meus 15Copiar uma entrada/16 anos, e o senhor dermatologista ao olhar para a minha cara, receitou-me resmas de cremes com uma rotina de aplicação de doidos, que consistia em andar a hidratar a minha pele de 2 em 2 horas.

Ora sendo eu uma adolescente a frequentar o secundário, essa rotina significava que teria de ir todos os intervalos para a casa de banho besuntar a cara com um creme super espesso para que a minha cara passa-se a parecer um holofote de tanta oleosidade?! Yeah right!!

Está-se mesmo a ver que a minha disciplina no cumprimento da rotina de aplicação dos produtos foi bastante deficiente, no mínimo. Para além disso o tratamento era complementado com a toma de comprimidos que actuavam internamente ao nível da renovação celular da pele.

O tratamento durou 6 meses e nem tudo correu lindamente, pois quando somos jovens tudo é um drama, e o meu era de andar com a pele a escamar. Lá está porque é que a rotina da hidratação era importante, mas entre andar a escamar ou a escorrer óleo, resolvi optar pela primeira.

Foram 6 longos meses, todos os dias lá estava eu em frente ao espelho a admirar a minha pele, e mesmo que esta estivesse uma desgraça (e normalmente estava!) eu notava as pequenas diferenças, conseguia ver umas réstias de pele saudável aqui e ali a surgirem lentamente, e isso deu-me alento para começar a ser mais disciplinada em relação aos cuidados de rosto, e mais criteriosa na escolha dos produtos que usava.

Sem dúvida que a disciplina (ou a preguiça) é o nosso pior inimigo do que toca a cuidados de rosto: desmaquilhar, limpar, tonificar e hidratar todos os dias, de manhã e à noite, foi uma rotina complicada de instituir, mas hoje posso dizer orgulhosamente que estou convertida.

Este é um post diferente, trata-se da partilha de uma experiência pessoal, com a qual muitas pessoas se podem identificar, e como tal, a mensagem que gostaria de passar é que nada se consegue sem trabalho, e com a nossa pele o princípio é o mesmo. Se não formos disciplinados, se não tratarmos da nossa pele com todo o amor e carinho, não podemos exigir milagres, e muito menos ficar tristes porque não temos uma pele tão bonita como a da nossa amiga.

Na maior parte das vezes, termos a pele dos nossos sonhos (atenção que não há peles perfeitas, o Photoshop não é real) está ao nosso alcance. Dá trabalho, mas sem dúvida que vale MUITO a pena.

Passando à parte prática da questão, vou agora mostrar alguns dos produtos que usei após o tratamento dermatológico e que muito me ajudaram a conseguir uma pele mais saudável. Atenção, que estes são os produtos que resultaram comigo, cada caso é um caso e antes de optarem por algum produto investiguem-no a fundo, e se necessário, peçam aconselhamento profissional.

Uma das marcas que mais me ajudou foi a Clinique. Desde logo a marca foi-me indicada pelo meu dermatologista, tanto a nível de cuidados de rosto, como ao nível da maquilhagem, principalmente na questão da base que é o produto que mais interfere na qualidade geral da pele do rosto. Após muita pesquisa sobre a marca, quando me dirigi à loja tive a sorte de encontrar uma consultora da marca, uma óptima profissional, que me orientou na escolha de uma rotina que se adequasse ao meu tipo de pele, que é mista com um elevado grau de desidratação, que não se cingiu aos três passos convencionais de cada linha da marca.

Enquanto a Clinique tratava das borbulhas, poros, oleosidade e outras imperfeições, tive de procurar novos aliados para me ajudar com a desidratação, e após uma longa buscar encontrei a solução na Dior.

Durante alguns anos estes foram os produtos que fizeram parte da minha rotina diária:

Desmaquilhar e Limpar

Desmaquilhar e Limpar

Desmaquilhar convenientemente a pele é IMPORTANTÍSSIMO, e muitas pessoas esquecem-se que limpar e desmaquilhar não é a mesma coisa. Uma pele bem limpa é meio caminho andando para uma pela saudável, acreditem!

Tonificar E Hidratar

Tonificar E Hidratar

Depois de limpar, era importante tonificar e hidratar, e aí entrava a linha anti-blemish que é excelente. Mas como sentia que minha pele precisava de água/hidratação urgente, passei a usar um cuidado mais específico para esse campo, e ele veio através do Hydralife da Dior, que passou a ser o meu creme de noite.

Dior Hydra Life Pro Youth Sorbet Cream

Dior Hydra Life Pro Youth Sorbet Cream

Para além destes cuidados diários, houve ainda mais três produtos que ajudaram a fazer a diferença:

Anti-Blemish Solutions Liquid Makeup

Anti-Blemish Solutions Liquid Makeup

Ajuda imenso com o acne e com a oleosidade, com acabamento mate aveludado e cobertura moderada. Um boa aposta para o dia-a-dia.

Anti-Blemish Solutions Oil Control Cleansing Mask

Anti-Blemish Solutions Oil Control Cleansing Mask

Máscara purificante à base de argila. A sensação de limpeza é imediata, deixa a pele bem suave, pronta para receber o tratamento seguinte.

Esta máscara hidratante, em conjunto com o creme de noite também da Dior, foram a solução para os meus problemas de desidratação. Acabou-se a pele constantemente a escamar, principalmente na época de mais frio, em que não havia base que ficasse bem na pele.

Máscara Hydralife Dior

Máscara Hydralife Dior

Mais uma vez volto a referir que estes foram os produtos que resultaram comigo, com a minha pele, mas achei por bem falar neles, pois boas referências de produtos nunca são demais, e mesmo que esta rotina tal como está não seja adequada para todos, pode ser que um destes produtos possa realmente ser aquele do qual já andam à procura à algum tempo. Quero também transmitir a mensagem de que não desistam de procurar os produtos certos para vocês, pois eles existem, só temos é de ser persistentes e exigentes!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

%d bloggers like this: