Private Labeling

21 Dez

É um fenómeno. Não, não, é mesmo um fenómeno. É quando uma fábrica grande faz um produto e terceiros colocam os seus próprios rótulos nos produtos, sendo assim possível ter o mesmo produto exactamente em embalagens e marcas diferentes. Por outras palavras, é “a marca branca”, muitas vezes.

maquiagem maquilhagem genérica private labeling

Acontece também imenso com perfumes e até mesmo com cosméticos sem ser a maquiagem. Leva a diferenças de preço, de embalagem e, no fundo, no fundo, de prestígio e valor porque uma sombra de marca conhecida vale mais do que a de uma marca que nunca ninguém ouviu falar e este valor não é só monetário.

É isto que muitas vezes explica aqueles perfumes tão parecidos mas de marcas diferentes, aqueles vernizes iguais, daqueles pincéis tão parecidos aos “de marca” mas que são bem baratos, daquelas celebridades que “criam” uma linha de cosméticos mas que na verdade não tiveram nada a ver com o processo criativo e, em última instância, a maquiagem genérica (aquelas paletas com montanhas de cores que meio mundo e o eBay parecem vender, por exemplo).

Eu confesso que é algo que me incomoda bastante, apesar de eu estar perfeitamente consenciente de que é comum. Não é a existência de “marca branca” que me incomoda, não é a Sephora ou até o Continente terem a sua marca própria! O que me incomoda é saber que, quando estou a comprar algo caro e de marca posso ou não estar a comprar uma coisa “única” que valha o que eu estou a pagar por ela… ou não!

E vocês? O que acham da Private Labeling?

Anúncios

5 Respostas to “Private Labeling”

  1. Tania Fernandes Dezembro 21, 2012 às 11:05 am #

    Eu concordo, eu como uma pessoa que não tem posses para comprar maquilhagem cara, concordo com as ditas marcas brancas. Eu acho que as marcas conhecidas abusam muito no preço dos artigos devido à marca na embalagem, e a concorrencia até é boa. Por ex com os pinceis da sigma, hoje em dia encontramos pinceis iguais por pouco mais de 3€ ( e estou a falar daqueles pinceis tipo buffing brush etc) e os deles custam por volta de 10€ ou mais, tirando dps os portes e se tiverem azar a alfandega!! Urban decay… naked palette a 50€ paguei 5€ por uma paleta com as mesmas cores e muito pigmentada e textura acetinada, não é de marca branca mas é mais barata e igualmente boa com produtos de qualidade excelente. Acho um abuso, se há marcas que conseguem ter maquilhagem barata igual À cara pk é que o preço é tao elevado?? Mas acho que mesmo assim há muitas meninas que ainda estão iludidas que marca cara é que é bom… bjoka 🙂

    • mickysantos Dezembro 21, 2012 às 12:59 pm #

      Olá Tânia, obrigada pelo teu comentário. Nem era bem aí que eu queria chegar, é mais que eu gostaria que as marcas caras se dessem ao trabalho de criar algo mais exclusivo, afinal, pagamos bem por isso.

      • Tania Fernandes Dezembro 21, 2012 às 2:07 pm #

        Mas exclusivo como… tipo uma textura de batom que mais nenhuma marca tenha?

      • mickysantos Dezembro 21, 2012 às 2:12 pm #

        Sim, texturas, cores, inovações, novas maneiras de aplicar, embalagem… Inovem, inventem, pesquisem, evoluam…!

  2. Tania Fernandes Dezembro 21, 2012 às 2:20 pm #

    Mas mesmo assim acho que é dificil atingir esse patamar. Porque continuo da opinião que as pessoas compram a marca e não o produto, então eles pensam…. se elas compram e sempre compraram assim, pk mudar? É sempre mais facil jogar pelo seguro. 🙂

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: