História Da Maquiagem – Parte 4- Anos 20

22 Abr

As meninas decentes não fumavam, não dançavam tango e não usavam o perfume Shalimar. Bem vindos aos “loucos anos 20” do século passado.

Clara Bow - uma das primeiras sex symbol de Hollywood

Clara Bow - uma das primeiras sex symbol de Hollywood

Cada geração pensa que a próxima vai causar o fim do mundo. Tem sido assim desde sempre, mas nos anos 20, logo depois da Primeira Guerra Mundial, esse sentimento foi cada vez mais forte especialmente no que dizia respeito às mulheres. Houve uma libertação das mulheres em geral: trabalhavam, votavam, algumas conduziam e muitas abdicaram dos espartilhos por considerarem que estes as prendiam tanto física como psicologicamente. As saias encurtaram e os cabelos também: na verdade, muitas meninas ficaram trancadas nos seus quartos até que o cabelo tornasse a crescer, por ordem dos seus pais. Beber bebidas fortes e ir a festas sozinha ou com rapazes sem parentesco era, apesar de escandaloso, um prática de muitas jovens – terá sido a primeira revolução sexual de que há registo.

Theda Bara - a primeira Femme Fatal dos filmes

Theda Bara - a primeira Femme Fatal dos filmes

Estrelas como Theda Bara, Clara Bow, Louise Brooks e Mary Pickford ditavam as modas nos filmes mudos e as mulheres seguiam. Até aos anos 20, a maquiagem era estigmatizada muitas das vezes e em anos recentes, a maquiagem era algo a ser escondido de pais, irmãos e maridos. Agora não: agora não usar sombra preta, batom vermelho ou mais escuro e pó de arroz era um símbolo de falta de status e falta de independência.

Louise Brooks - popularizou o corte de cabelo tão típico da época

Louise Brooks - popularizou o corte de cabelo tão típico da época

Para começar, era importante que se arrancassem as sobrancelhas completamente e que, com a ajuda de lápis preto (independentemente da cor do cabelo) se desenhasse um arco ou uma linha muito mais acima de onde estavam as sobrancelhas anteriormente. De preferência, as sobrancelhas deviam apontar mais para baixo, para ajudar a criar uma expressão com olhos tristes e preocupados. A sombra também ajudava neste look – preta ou cinzenta e num “anel” em torno dos olhos era a moda para de dia ou para de noite. Era muito pouco esbatida mas, quando se esbatia, fazia-se de tal modo que ficasse mais alta no canto interno do olho do que no externo, fazendo assim com que os olhos parecessem descaídos.

Mary Pickford

Mary Pickford - actriz

Nos lábios e faces, usava-se o rouge que variava entre o vermelho papoila e o vermelho vinho. Os lábios tinham uma forma muito particular e eram desenhados mesmo por fora do contorno natural dos lábios se fosse preciso. O lábio superior devia ser mais fino mas com pontas bem definidas. O lábio inferior devia ser mais redondinho e fino. A foto da Louise Brooks que podem encontrar mais acima representa muito bem a forma dos lábios típicos. O batom era especialmente formulado para ser seco e para não sair: começava-se a ver casais a beijarem-se em público e, claro, não convinha deixar marcas de batom no rapaz! Pintar as unhas também era comum e usava-se combinar a cor do verniz com a do batom. Porém, a meia-lua e a ponta da unha não se pintava. Era como uma unha francesa e uma manicure de meia lua, tudo em um.

As revistas e os filmes eram as fontes de inspiração para as mulheres desta época e a maquiagem ficou cada vez mais acessível. As marcas começaram a ganhar nome e algumas que surgiram nesta época são ainda hoje nossas conhecidas: Max Factor, L’Oreal, Maybelline, Elizabeth Arden, Guerlain, entre outras.

Anúncios

9 Respostas to “História Da Maquiagem – Parte 4- Anos 20”

  1. kalani Agosto 31, 2012 às 11:55 am #

    adorei muito, suas dicas sao de mais

  2. Jackeline Monteiro Setembro 19, 2012 às 9:04 pm #

    Fiquei maravilhada com a matéria muito bem feita. Bjs

    • mickysantos Setembro 19, 2012 às 9:10 pm #

      Oh, obrigada, Jacjekeline! Fico sempre muito feliz com comentários assim! Sabe que já falei das outras décadas todas?

      • Jackeline Monteiro Setembro 19, 2012 às 9:36 pm #

        Sim estou lendo todas! Muito obrigada! Meu Blog é muito simples, seus conhecimentos são ótimos.

  3. Tê25 Junho 3, 2015 às 11:30 pm #

    Amei o post, parabéns!

Trackbacks/Pingbacks

  1. Foto-história – Lady Luck « Invicta Maquiagem - Setembro 7, 2012

    […] Maquiagem, Cabelo e Styling: Micky Santos (mais informação sobre a maquiagem dos anos 20 aqui) […]

  2. Inspiração | Invicta Maquiagem - Setembro 14, 2013

    […] De resto, a pele é bastante iluminada e bronzeada, há um blush terracotta bastante óbvio e forte que dá uma certa agressividade ao look, bem como as sobrancelhas penteadas para cima e bastante preenchidas. São coisas que só resultam em fotografia e em moda, até pelo facto de haver sombra escura no canto interno do olho que entristece o aspecto da pessoa e “fecha” o olhar. É um formato muito usado quando a inspiração passa pelos anos 20! […]

  3. Inspiração | Invicta Maquiagem - Outubro 12, 2013

    […] o tema é anos 20 e anos 30, está bom de ver pela fotografia que escolhi. A pele está como que a de uma boneca, […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: